"Lisboa - A Guerra das Sombras na Cidade da Luz, 1939-1945" de Neill Lochery


Um dos períodos da nossa história que mais me fascina é sem dúvida a época que antecedeu o meu nascimento – os anos do Regime Salazarista. 
Talvez pela parca informação que recebemos na escola, ou porque simplesmente foram tempos complicados pelos quais tiveram de passar os nossos familiares diretos - avós, pais e tios - é um prazer enorme poder levantar um bocadinho do véu que cobre essa época.

Os testemunhos na primeira pessoa ainda são relativamente fáceis de angariar, mas são facilmente manchados pelo teor pessoal e pelas contradições, que a meu ver nos mantêm na obscuridade.

Uma das grandes perguntas que me colocava era como conseguiu Salazar manter a imparcialidade perante uma situação de guerra na Europa e ao mesmo tempo lucrar com isso. 
Todo esse jogo de cintura, a verdadeira arte da política ministrada por Salazar, é-nos explicado neste livro. 
Simultaneamente, somos apresentados a uma Lisboa extraordinária, a Cidade da Luz, palco de espionagem internacional e cenário de refúgio idílico para muitos refugiados.

Um livro estrondoso que nos demonstra, de uma forma extremamente fácil de entender ao mesmo tempo que bem documentada, o que o trabalho de Salazar nessa época significou para este pequeno jardim à beira mar plantado.
Adorei!

Tenho de referir igualmente a qualidade desta edição. Adoro a capa, está deveras bem conseguida. Lisboa aparece-nos como se estivesse envolvida numa aura de mistério. E para completar somos presenteados com um bloco de fotografias que nos ajudam a visualizar melhor esta ou aquela personalidade ou evento. Muito bom.


Para mais informações sobre este livro espreite aqui ou visite o site da Editorial Presença.

2 comentários:

Antonio on 29/8/12 disse...

Olá Fernanda

Antes de mais parabéns pelo blog. Vou procurar acompanhá-lo já que sou um leitor ávido e partilho o gosto pela história.

Estou neste momento a acabar o livro, mas devo dizer que só concordo parcialmente com a sua crítica.

A capa, as fotografias, a qualidade das fontes, a tradução e o estilo de escrita do autor são excelentes, e tem sido um prazer ler o livro.

Aquilo que não concordo é com a qualificação de "estrondoso". Existem várias histórias muito interessantes e historicamente relevantes que se passaram em Lisboa nessa época, nomeadamente a forma como Salazar guiou Portugal numa neutralidade arriscada mas bem sucedida, a guerra do volfrâmio, as rotas de refugiados, etc. Mas muitas outras parecem mais uma espécie de revista Olá, das personalidades na praia, a jogar golf ou a derreter dinheiro no casino do estoril, sem isso tenha particular importância. Lochery por vezes parece querer cativar o leitor não-português com as constantes referências ao James Bond, ao rei inglês caído em desgraça e aos famosos que pisaram o solo português durante umas breves semanas.

Os melhores cumprimentos,

António

Fernanda on 30/8/12 disse...

Olá António,

Antes de mais, muito obrigada pelo seu comentário. :) Adoro receber feedback de quem me lê.

Na verdade, e como o menciono no início do post, sou fascinada por esta época e talvez isso tenha inflacionado a minha opinião.

Concordo que muitas das histórias foram pouco aprofundadas e debitadas com ligeireza, mas na verdade não servem elas para dar uma ideia do falso estado idílico que se vivia naquela altura? E ao mesmo tempo acabam por aliviar o peso que um livro histórico como este pode ter.
Sabe, António, a meu ver, este não é um livro vocacionado exclusivamente para os amantes do género histórico, mas sim um livro para um público mais alargado. Daí o seu lado mais leve.

Concordo, no entanto consigo sobre o facto de que Lochery parece querer cativar um público não-português. Mas isso foi de algum modo interessante, quase como ver uma reportagem estrangeira sobre esta época. Quem está de fora vê sempre as coisas de modo diferente, não concorda?

Bem, mais uma vez agradeço-lhe o seu comentário e fico disponível pelo meu email para quaisquer dúvidas ou questões que queira partilhar - asleiturasdafernanda@gmail.com.

Um abraço,

Fernanda

Gostei tanto deste livro!!

Gostei tanto deste livro!!

Mais um livro excecional!

A não perder!

Para os que gostam de thrillers...

Novo livro de Lesley Pearse!!

Um livro magistral!

Um livro magistral!
Neste livro, Jodi Picoult aborda temas como a raça, o privilégio, o preconceito, a injustiça e a compaixão.

O novo livro de Deborah Smith

Novo Thriller de Paula Hawkins

 

ASA

Quinta Essência

Planeta

Porto Editora

Bertrand

Lua de Papel

Chiado Editora

Oficina do Livro

Editorial Presença

Jacarandá

D. Quixote

Clube do Autor

Livros d'Hoje

Casa das Letras

Suma de Letras

Vogais

Saída de Emergência

Esfera dos Livros

TopSeller

Objetiva

Marcador

Visualizações de página na última semana

Copyright © 2005-2017 Blogger Template (Adapted by Fernanda Carvalho)