Opinião: "O Segredo de Dior" de Natasha Lester

Para mim, uma das funções mais importantes que um livro pode desempenhar, é ensinar. Se um livro, que  nos conta uma história, baseada em factos reais, nos apresenta algo da História que não conhecíamos, é sem dúvida um livro precioso. E se nos conquista como leitores enquanto cumpre essa função, é ouro sobre azul. É assim que posso descrever esta maravilha de livro. 

Com ele aprendi sobre um grupo de mulheres que em 1939 (Inglaterra) conseguiram conquistar o seu lugar no exclusivo grupo de pilotos da Segunda Guerra Mundial. Descobri os desafios que tiveram de superar, os seus sacrifícios, as suas conquistas, as suas derrotas e as suas vitórias. Fiquei igualmente a conhecer o papel importantíssimo que teve Catherine Dior, irmã do famoso estilista, que lutou ferozmente contra o jugo alemão em França, sendo uma participante ativa na Resistência francesa e tendo acabado por ser deportada para o terrível campo de concentração de mulheres em Ravensbrück. Desse campo, um dos piores, das 132.000 mulheres que por ali passaram, estima-se que 92.000 tenham perecido. Mas isto é apenas uma pequena parte do livro. Não é de todo mais um livro sobre os campos de concentração.

A ação deste livro passa-se em duas épocas distintas: uma entre 1929 e 1945 e outra bem mais atual, nos nossos dias. Em 1929 conhecemos Skye e Liberty, duas jovens irmãzinhas que não poderiam sem mais diferentes uma da outra, que vivem na Cornualha, em Inglaterra. Depois dá-se um salto temporal e já as vamos reencontrar adultas. Fiquei completamente apaixonada por Skye. A sua personalidade é maior que a vida. É daquelas personagens que admiramos e queremos que tudo acabe bem para elas. Mas será que acaba? 

É esse o mistério que o livro encerra nas suas páginas. Quem é a avó de Kat, uma conservadora de moda australiana, que descobre num pequena propriedade na Cornualha uma série de vestidos Dior, um por cada ano desde 1947?

Extraordinário, pungente e encantador, assim é este livro maravilhoso. Uma leitura que preencheu todos os requisitos e me encantou! Recomendo sem hesitações.

0 comentários:

ALGUNS DOS TÍTULOS QUE MAIS ME AGRADARAM NOS ÚLTIMOS TEMPOS

ALGUNS DOS TÍTULOS QUE MAIS ME AGRADARAM NOS ÚLTIMOS TEMPOS

O Regresso de Isabel Allende

O Regresso de Isabel Allende
Uma viagem maravilhosa.

A fabulosa Tetralogia Napolitana - Amiga Genial

A fabulosa Tetralogia Napolitana - Amiga Genial
Espreite a minha opinião e decida-se finalmente a ler os livros de que todos falam.

O que espera por ter estes dois livros na sua estante?

O que espera por ter estes dois livros na sua estante?
Maria Dueñas, a autora, é uma verdadeira contadora de histórias. Encanta-nos, quase que nos hipnotiza, e leva-nos de mão dada até lugares e situações longínquas no tempo. - Fernanda Carvalho de "As Leituras da Fernanda"

"Gente Feita de Terra" - o último livro de Carla M. Soares.

"Gente Feita de Terra" - o último livro de Carla M. Soares.
Uma leitura imprescindível!

Leia o livro e depois veja o filme. Uma história verídica a não perder.

O clube de leitura do meu coração.

 

ASA

Quinta Essência

Planeta

Porto Editora

Bertrand

Lua de Papel

Cultura Editora

Oficina do Livro

Editorial Presença

Jacarandá

D. Quixote

Marcador

Clube do Autor

Livros d'Hoje

Casa das Letras

Suma de Letras

Vogais

Saída de Emergência

Círculo de Leitores

Esfera dos Livros

TopSeller

Objetiva

Visualizações de página na última semana

Copyright 2005-2019 Blogger Template Ipietoon (Adaptado por Fernanda Carvalho - a escrever sobre livros desde 2005)