"Liberdade" de vários autores

Pela primeira vez andei a ler dois livros simultaneamente. Não que me tenha agradado muito (gosto de me concentrar num livro de cada vez), mas tive mesmo de intercalar um livro mais levezinho na leitura deste livro.
Todos sabemos que existem livros difíceis de ler. Quer pela violência visual de uma história, quer pelo chocante que possa ser esta ou aquela situação relatada e que nos afecta profundamente, obrigando-nos a parar, fechar o livro durante algum tempo e respirar fundo. Mas com este livro isso não era o suficiente, daí eu ter andado a ler outro livro ao mesmo tempo. Porque não deixei de o ler, perguntam vocês? Porque existem livros que têm de ser lidos, ou melhor dizendo, que devem ser lidos. E este é um desses livros.

Liberdade é uma compilação de contos que têm como base inspiradora os direitos universais do Homem. Aliás cada uma das 36 histórias são escritas com base em cada um dos artigos da Declaração Universal dos Direitos Humanos.
Como podem certamente imaginar houve contos que me colocaram à beira das lágrimas, outros que soltaram a minha raiva, ou outros ainda que me deixaram pura e simplesmente com uma sensação de frustração e impotência perante as atrocidades e negligências que apesar de fictícias neste livro, sei que continuam a ser praticadas por todo o mundo.
Este é realmente um livro potente e muito importante. É um livro que nos entrega o privilégio de podermos ajudar a Amnistia Internacional na sua batalha. É um livro que felizmente temos a possibilidade de ler, pois vivemos num país em que a sua venda e divulgação não está proibida.

Transcrevo as palavras do Director de Comunicações e Publicações da Amnistia Internacional Israel, Vered Cohen-Barzilay sobre o poder da literatura:
«A literatura pode ser tão poderosa como a própria vida. Pode ser como que a nossa profecia. Pode inspirar-nos a mudar o nosso mundo e dar-nos o conforto, a esperança, a paixão e a força de que precisamos para lutar pela criação de um futuro melhor para nós, bem como para toda a humanidade. Precisamos de continuar a ler e deixar que o extraordinário poder da literatura penetre os nossos corações e nos conduza ao nosso próprio caminho.»

Por tudo isto, este é um livro que não podem deixar de ler.

Para mais informações podem consultar aqui ou no site da Editorial Presença.

1 comentários:

The fanatic reader on 24/8/11 disse...

Por mais que custe ler, este é um daqueles livros que deveriam ser de leitura obrigatória, principalmente por certas pessoas.
Eu, obviamente, vou ler.

Mais um livro excecional!

A não perder!

Para os que gostam de thrillers...

Novo livro de Lesley Pearse!!

Um livro magistral!

Um livro magistral!
Neste livro, Jodi Picoult aborda temas como a raça, o privilégio, o preconceito, a injustiça e a compaixão.

O novo livro de Deborah Smith

Novo Thriller de Paula Hawkins

Uma história maravilhosa!

 

ASA

Quinta Essência

Planeta

Porto Editora

Bertrand

Lua de Papel

Chiado Editora

Oficina do Livro

Editorial Presença

Jacarandá

D. Quixote

Clube do Autor

Livros d'Hoje

Casa das Letras

Suma de Letras

Vogais

Saída de Emergência

Esfera dos Livros

TopSeller

Objetiva

Marcador

Visualizações de página na última semana

Copyright © 2005-2017 Blogger Template (Adapted by Fernanda Carvalho)