Opinião: As Velas Ardem até ao Fim" de Sándor Márai (revisitado)


Li este livro em 2009, e agora, por ser um dos propostos no clube de leitura a que pertenço, decidi relê-lo. Pensei que não o tinha apreciado devidamente, mas hoje, ao reler a minha opinião da altura, verifiquei o contrário. Apreciei-o mais na altura que talvez agora. É sem dúvida um livro muito introspectivo, com análises profundas sobre a vida e a amizade. O que aconteceu foi que o "eu" de hoje, com mais 13 anos, colocou em causa coisas que não me haviam passado pela cabeça.

A história parece simples. Dois homens, amigos desde a infância, afastaram-se radicalmente após um acontecimento de relevo ter abalado a sua amizade. Viveram uma vida inteira - quarenta e um anos -  sem se falarem, sem se verem. O acontecimento é revelado rapidamente ao fim de algumas páginas, e livro continua com um reencontro, que tinha de acontecer. Ambos na casa dos setenta,
sentam-se a jantar e a conversar. O anfitrião, na realidade o principal lesado, vai discursando sobre as suas vidas, o que lhes aconteceu após o tal acontecimento, a amizade antiga que tinham e onde os levou o ressentimento. E realmente, de que vale o último quando coloca em causa uma amizade?

Quando as velas se apagam, a verdade revela-se. O ressentimento que guardaram durante tanto tempo, não vale a pena. Não é nada. Vidas vividas sem sentido, com um peso absurdo que influencia tudo e todos à sua volta., Valeu a pena?

Esta é a minha análise atual sobre este livro. Um livro de uma extraordinária qualidade literária, ou não fosse esta uma leitura intemporal que hoje em dia vem recomendado no PNL (dos 15-18 anos). Mas é igualmente uma leitura amarga sobre a vida.

Deixo -vos uma das pérolas que já guardei da outra vez e que guardo agora novamente:

(...) só através dos pormenores podemos perceber o essencial, aprendi assim nos livros e na vida. É preciso conhecer os detalhes, porque nunca sabemos qual deles é importante, quando pode uma palavra iluminar um facto. (...)

0 comentários:

ALGUNS DOS TÍTULOS QUE MAIS ME AGRADARAM NOS ÚLTIMOS TEMPOS

ALGUNS DOS TÍTULOS QUE MAIS ME AGRADARAM NOS ÚLTIMOS TEMPOS

O Regresso de Isabel Allende

O Regresso de Isabel Allende
Uma viagem maravilhosa.

A fabulosa Tetralogia Napolitana - Amiga Genial

A fabulosa Tetralogia Napolitana - Amiga Genial
Espreite a minha opinião e decida-se finalmente a ler os livros de que todos falam.

O que espera por ter estes dois livros na sua estante?

O que espera por ter estes dois livros na sua estante?
Maria Dueñas, a autora, é uma verdadeira contadora de histórias. Encanta-nos, quase que nos hipnotiza, e leva-nos de mão dada até lugares e situações longínquas no tempo. - Fernanda Carvalho de "As Leituras da Fernanda"

"Gente Feita de Terra" - o último livro de Carla M. Soares.

"Gente Feita de Terra" - o último livro de Carla M. Soares.
Uma leitura imprescindível!

Leia o livro e depois veja o filme. Uma história verídica a não perder.

O clube de leitura do meu coração.

 

ASA

Quinta Essência

Planeta

Porto Editora

Bertrand

Lua de Papel

Cultura Editora

Oficina do Livro

Editorial Presença

Jacarandá

D. Quixote

Marcador

Clube do Autor

Livros d'Hoje

Casa das Letras

Suma de Letras

Vogais

Saída de Emergência

Círculo de Leitores

Esfera dos Livros

TopSeller

Objetiva

Visualizações de página na última semana

Copyright 2005-2019 Blogger Template Ipietoon (Adaptado por Fernanda Carvalho - a escrever sobre livros desde 2005)