"A Praia Roubada" de Joanne Harris

Tal como os livros que li até agora desta autora, este é também um livro muito envolvente. A história é interessante: uma ilha, a rivalidade entre o lado desenvolvido, e o outro que está estagnado no tempo; a mentalidade de “Velho do Restelo” da maioria da população, a ganância, o derrotismo, a fé… tudo anda de mãos dadas.
Gostei muito.
Uma das frases que retive, e que era o lema da ilha: “Tudo Retorna” - é sem dúvida uma verdade universal. Há muitos anos que adoptei este como um dos meus lemas favoritos: “O que vai, volta” (what goes arround, comes arround).
Sinopse:
Encerradas numa pequena ilha na costa do Atlântico, duas comunidades vivem de costas voltadas entre si. Enquanto La Houssinière se transformou numa cidade próspera devido ao turismo que a única praia de toda a ilha lhe proporciona, Les Salants permaneceu esquecida no tempo, habitada apenas por pescadores e marinheiros que, tal como a vida que levam, são rudes e amargos.
Mado nasceu em Les Salants, mas cedo partiu com a mãe para Paris. Após a morte desta, a jovem decide voltar à ilha da sua infância e reencontrar o pai. Mas o regresso ao passado não é fácil. A ilha, constantemente varrida por um vento inclemente, encerra em si todo um universo de mistérios e contradições, inacessíveis a uma «desconhecida». Mas, estranhamente, tal parece não ter acontecido com Flynn, um jovem irlandês que, embora recém-chegado, é alvo da afeição e da confiança de todos, até do pai de Mado, um homem cujo coração está fechado para o mundo e que se mantém teimosamente recolhido num silêncio sepulcral.
Face a uma comunidade fechada, supersticiosa e apostada em manter acesos ódios ancestrais, Mado decide desafiar a sorte e as marés e consegue vencer o orgulho e as crenças dos habitantes de Les Salants. Juntos, vão tentar mudar o futuro da povoação e o seu próprio destino. Para Mado, esta vai ser uma incursão no amor e o (re)encontro com os valores familiares e comunitários. Poderá um castelo de areia sobreviver às marés?

Inspirado na ilha onde Joanne Harris passou alguns momentos da sua infância, A Praia Roubada transporta-nos de imediato para a nossa própria infância e, especialmente, para os inesquecíveis dias ociosamente passados à beira-mar. Um romance evocativo, pleno de personagens misteriosos e segredos há muito guardados. Tal como já havia feito nos seus romances anteriores com os aromas e os sabores, Joanne Harris proporciona-nos deste feita uma viagem pelos prazeres da vida costeira, onde facilmente o leitor sentirá a areia a escapar-se por entre os dedos e, ao longe, o vento marítimo a fustigar a terra com o seu sal.

0 comentários:

Mais um livro excecional!

A não perder!

Para os que gostam de thrillers...

Novo livro de Lesley Pearse!!

Um livro magistral!

Um livro magistral!
Neste livro, Jodi Picoult aborda temas como a raça, o privilégio, o preconceito, a injustiça e a compaixão.

O novo livro de Deborah Smith

Novo Thriller de Paula Hawkins

Uma história maravilhosa!

 

ASA

Quinta Essência

Planeta

Porto Editora

Bertrand

Lua de Papel

Chiado Editora

Oficina do Livro

Editorial Presença

Jacarandá

D. Quixote

Clube do Autor

Livros d'Hoje

Casa das Letras

Suma de Letras

Vogais

Saída de Emergência

Esfera dos Livros

TopSeller

Objetiva

Marcador

Visualizações de página na última semana

Copyright © 2005-2017 Blogger Template (Adapted by Fernanda Carvalho)