"Deixa Falar o Coração" de Billie Letts

Sinopse:
Caney Paxton queria que o seu café-restaurante tivesse o anúncio luminoso maior e mais brilhante do Oklahoma Oriental. Doze anos depois, a estrada antes tão movimentada está morta e o anúncio luminoso tão usado como o próprio Caney que nunca mais se aventurou a sair do restaurante desde que este abriu. Os frequentadores habituais também pouco mudaram e continuam a lamentar-se e a mexericar enquanto comem os ovos mexidos e bebem o café quente. Mas, num dia tempestuoso de Dezembro, uma mulher dos seus trinta anos aparece subitamente trazendo nos braços um cão semimorto só com três patas e no coração um segredo há muito enterrado. Contratada como empregada, rapidamente Vena Takes Horse dá um abanão ao negócio, à freguesia e ao coração de Caney... ao ensinar a todos o que é a generosidade, a solidariedade e o amor.

A minha opinião:
Este é daquele tipo de livros ao qual não damos grande crédito à primeira vista, mas que acaba por nos surpreender.
Assim que começamos a leitura sentimo-nos envolvidos tal como se estivéssemos sentados frente a um écran de cinema. É assim que escreve Billie Letts.

Desta autora já conhecia o livro "Onde está o coração", o seu primeiro romance, distinguido com os prémios Walker Percy e Oklahoma Books em 1996. Este livro virou filme no ano 2000, com o título em português "A Voz do Coração" (consultar a ficha no IMDB para mais informações sobre este filme), com Natalie Portman, Ashley Judd, Stockard Channing, Joan Cusack e Sally Field nos principais papéis.

Neste seu 2º livro, Billie Letts consegue repetir a fórmula vencedora, com uma história perfeitamente comum, preenchida com personagens que nos conquistam.
Por norma não confio muito nas frases publicitárias que acompanham um livro, mas neste caso tenho de admitir que as respectivas encerram unicamente a verdade - aqui ficam algumas:

«Letts faz sentir ao leitor que nunca é tarde demais para encontrar aquilo que sempre se desejou»

«Uma história tocante de gente que descobre o verdadeiro significado da palavra "lar" nos sítios mais inesperados.»

«Um livro que faz as pessoas sentirem-se melhor depois de o terem lido.»

«Uma história cheia de personagens inesquecíveis que rapidamente encontram o caminho para o coração dos leitores.»

«Um olhar cheio de Sol sobre o lado negro da vida.»


(Muito obrigada Tarsys por esta maravilhosa partilha!)

5 comentários:

Débora Lauton on 11/8/09 disse...

Nossa, adorei conhecer esse livro... vou procurar...
Valeu pela dica...

Beijos,
Dé...

Marta on 11/8/09 disse...

Ola

Realmente nunca olhei muito para este livrinho, mas depois de ler aqui a tua resenha fiquei curiosa.

Continuação de boas leituras
Bj

flicka on 11/8/09 disse...

Já não me lembrava do que tinha escrito sobre este livro no meu blog. De facto, a capa é triste, sem cores, e o titulo nada apelativo. No entanto, foi aquela frase: «Um olhar cheio de Sol sobre o lado negro da vida.» que me convenceu a lê-lo e... a história SURPREENDEU-ME! Os personagens são maravilhosos, ainda me lembro deles, do parapelgico, da Vena, do Bui...
Gostei muito ler a tua opinião.
Continuação de boas leituras!
:)*

S.E on 28/9/09 disse...

Realmente é verdade como pode uma capa tão sem graça esconder um livro tão interessante...

Anónimo disse...

Sim, provavelmente por isso e

Mais um livro excecional!

A não perder!

Para os que gostam de thrillers...

Novo livro de Lesley Pearse!!

Um livro magistral!

Um livro magistral!
Neste livro, Jodi Picoult aborda temas como a raça, o privilégio, o preconceito, a injustiça e a compaixão.

O novo livro de Deborah Smith

Novo Thriller de Paula Hawkins

Uma história maravilhosa!

 

ASA

Quinta Essência

Planeta

Porto Editora

Bertrand

Lua de Papel

Chiado Editora

Oficina do Livro

Editorial Presença

Jacarandá

D. Quixote

Clube do Autor

Livros d'Hoje

Casa das Letras

Suma de Letras

Vogais

Saída de Emergência

Esfera dos Livros

TopSeller

Objetiva

Marcador

Visualizações de página na última semana

Copyright © 2005-2017 Blogger Template (Adapted by Fernanda Carvalho)