Opinião do livro: "O Lugar do Coração" de Emily Griffin

Por vezes é complicado descrever o quão uma leitura nos deixam extasiados. Não concordam? 
Às vezes uma história é tão completa, que ao chegar ao final do livro só nos apetece recomeçar a ler, e quem sabe, como por magia, redescobrir novas personagens e uma continuação da mesma. Este é desses livros!
Completo.
Perfeito.
Lindo.

Marian é-nos apresentada como uma bem sucedida produtora de televisão, uma mulher forte e muito segura de si. No entanto, algo acontece que irá mudar a sua vida e principalmente a forma dela a encarar. Uma noite, a sua filha, a bebé que secretamente deu à luz e deu para adoção há dezoito anos atrás, bate-lhe à parte querendo conhecê-la. O mundo de Marian parece ruir. Não só terá ela de abrir o seu mundo e o seu coração a Kirby, como também, para que isso aconteça, terá de admitir perante tudo e todos o que aconteceu dezoito anos antes. Incluindo para o pai de Kirby, Conrad, que nem sonha ter uma filha.É um desafio que se revela complicado, tanto para Marian, como para a adolescente Kirby, que tem tantas perguntas como receios.

O livro é assim mesmo. Uma história plena de emoções, mas simultaneamente bastante sóbria, onde são exploradas as habituais relações familiares sempre tão complicadas. Achei fabulosa a forma como a autora faz o confronto do passado com o presente, basicamente colocando a Marian adolescente contra a Marian adulta, que na realidade espreita por baixo da sua capa de mulher bem sucedida. Gostei também da abordagem à família de adoção, os pais e irmã de Kirby, trazendo ao de cima todas as complicações que podem surgir em famílias do género.

Apesar das personagens femininas serem mais visíveis nesta história, a presença masculina é também bastante forte. Os três homens da vida de Marian têm reações interessantes perante a realidade a que são expostos. O pai de Marian encantou-me, pois é um verdadeiro gentleman, mas quem me arrancou alguns suspiros foi Conrad, o pai de Kirby. Não me importava nada de o conhecer. ;) Ou pelo menos de o ouvir tocar. No entanto, Peter, o atual namorado e chefe de Marian, não me aqueceu nem arrefeceu. É daqueles homens que só tomam uma decisão quando encostados à parede e normalmente tarde demais. De qualquer das formas, nenhum deles me deixou indiferente.

Em suma, é uma história bastante verosímil, o que é uma característica desta autora. Qualquer uma das personagens podia facilmente ser alguém do nosso circulo de amigos! O mesmo aconteceu no outro livro que li dela – Escolhi o teu Amor.

“O Lugar do Coração” é um livro que vale mesmo a pena. :) Uma leitura entusiasmante, perfeita para as noites de verão que se aproximam.
Recomendo.

2 comentários:

Rosana Maia on 10/7/14 disse...

Olá :)
Ainda não conhecia a autora e fiquei curiosa. Parece um livro muito bonito pelo que dizes na opinião. :)
Boas viagens,
Rosana
http://bloguinhasparadise.blogspot.pt/

Marisa Luna on 10/7/14 disse...

Boa noite Fernanda!
Fiquei com muita vontade de ler este livro. Deve ser de leitura muito boa e agradável.
Obrigada pela partilha.
Bjs
Marisa

Diane Chamberlain... já conhece esta autora?

Sveva Casati Modignani

Paulo Coelho está de volta!

Jojo Moyes - novo livro!

A não perder...

Novo livro

 

ASA

Quinta Essência

Planeta

Porto Editora

Bertrand

Lua de Papel

Chiado Editora

Oficina do Livro

Editorial Presença

Jacarandá

D. Quixote

Clube do Autor

Livros d'Hoje

Casa das Letras

Suma de Letras

Vogais

Saída de Emergência

Esfera dos Livros

TopSeller

Objetiva

Marcador

Visualizações de página na última semana

Copyright © 2005-2016 Blogger Template (Adapted by Fernanda)